domingo, 30 de setembro de 2012

Portadora /Portador ??????

                                 

untitled

Em alguns momentos  da vida  poderíamos fazer a pergunta :porque eu?
Eu prefiro essa: porque não eu?
Falo do fato de ser portadora de Parkinson,esse ET louco que se instala no indivíduo , no caso específico eu, e ai ferrou NE pois é para toda vida. Mais eterno do que casamento que deu certo.
          Quando ó Médico olha para você e fala :você   tem Parkinson,muita  gente  ,incluindo essa que lhes escreve,não tem noção do que na realidade o Doutor está dizendo.
Se no momento que recebemos esse diagnóstico soubéssemos já tudo que ele  quer na verdade dizer não sei se aguentaríamos. Nesse momento viva a ignorância do futuro.
Isso porque pintamos o quadro mais negro do que na realidade ele é. O que não significa ser de outra cor .
Quando me foi dito que sou portadora do Mal de Parkinson pensei duas coisa imediatamente.Primeiro  ISSO MORDE? Segundo: nossa mãe !!! Quanta  responsabilidade- PORTADORA!!!
Sempre penso que ser portador de algo é sempre pesado,mas  diante da realidade vamos nos adaptar e seguir em frente.
Meu neto de cinco anos fala: bola pra frente.
Outra vez me pergunto PORQUE NÃO EU? Não sou melhor ( nem pior claro ) que ninguém, e penso que quem escolhe sempre é Deus.
Então se Ele me escolheu, certamente tem um plano para mim claro.
Claro não, escuro na verdade, porque já são tantos anos sendo portadora que penso deveria ser liberada desse compromisso não?
         As coisas vão fluindo bem , ou mais ou menos bem por uns dez anos mais ou menos e então começam as complicações.
Primeiro ficar rígida , paralisada por longo ou curto tempo não é nada bom.
Depois isso nos faz perdermos coisas importantes e  compromissos assumidos ,deixando as pessoas magoadas pois é muito difícil aceitar que uma  pessoa não comparece a  seu compromisso porque estava  travada....  Se essa pessoa dois dias depois está dançando numa festa.... Como ficamos???
Não tenho respostas,apenas mais perguntas até aparecer a tão sonhada cura.

Um comentário:

Dama de Cinzas disse...

Tenho muito medo dessas doenças que são pra vida toda.

Força pra ti!

Beijocas

Google Analytics